terça-feira, agosto 15, 2006

Em trânsito...

...uma breve pausa nestas férias...para recomeçarem por mais uns dias :)

Nuvens

Encantei-me com as nuvens, como se fossem calmas
locuções de um pensamento aberto. No vazio de tudo
eram frontes do universo deslumbrantes.
Em silêncio via-as deslizar num gozo obscuro
e luminoso, tão suave na visão que se dilata.

Que clamor, que clamores mas em silêncio
na brancura unânime! Um sopro do desejo
que repousa no seio do movimento, que modela
as formas amorosas, os cavalos, os barcos
com as cabeças e as proas na luz que é toda sonho.

Unificado olho as nuvens no seu suave dinamismo.
Sou mais que um corpo, sou um corpo que se eleva
ao espaço inteiro, à luz ilimitada.
No gozo de ver num sono transparente
navego em centro aberto, o olhar e o sonho.

António Ramos Rosa

2 comentários:

legivel disse...

Cara Maite:

Férias terminadas, regresso à blogsfera e aos amigos virtuais.
Faço votos que tudo continue a correr conforme os seus desejos pois em tempo de descanso não deve haver contrariedades.
Fique bem.

Maite disse...

Caro Legível
Cá estou eu de volta também. Bom estar também entre os amigos virtuais.

Boa noite para si