quarta-feira, julho 11, 2007

Este blog é de sangue quente...Oh! Oh! :))))

dragões ameaçadores

4 comentários:

Zénite disse...

Olá, Maite, boa-noite!

Mas estes dragões "perigosos" não são azuis e brancos! ;)

Estive aqui há pouco e resolvi fazer o upload, na HDDWEB, da música que se segue, que tenho no disco rígido do pc.
Espero que consiga ouvi-la. Aproveito para colocar a letra:


http://www.hddweb.com/87329/Puff,_the_magic_dragon.wma


Puff, the magic dragon lived by the sea
And frolicked in the autumn mist in a land called honah lee,
Little jackie paper loved that rascal puff,
And brought him strings and sealing wax and other fancy stuff. oh

Puff, the magic dragon lived by the sea
And frolicked in the autumn mist in a land called honah lee,
Puff, the magic dragon lived by the sea
And frolicked in the autumn mist in a land called honah lee.

Together they would travel on a boat with billowed sail
Jackie kept a lookout perched on puff’s gigantic tail,
Noble kings and princes would bow whene’er they came,
Pirate ships would lower their flag when puff roared out his name. oh!

Puff, the magic dragon lived by the sea
And frolicked in the autumn mist in a land called honah lee,
Puff, the magic dragon lived by the sea
And frolicked in the autumn mist in a land called honah lee.

A dragon lives forever but not so little boys
Painted wings and giant rings make way for other toys.
One grey night it happened, jackie paper came no more
And puff that mighty dragon, he ceased his fearless roar.

His head was bent in sorrow, green scales fell like rain,
Puff no longer went to play along the cherry lane.
Without his life-long friend, puff could not be brave,
So puff that mighty dragon sadly slipped into his cave. oh!

Puff, the magic dragon lived by the sea
And frolicked in the autumn mist in a land called honah lee,
Puff, the magic dragon lived by the sea
And frolicked in the autumn mist in a land called honah lee.


Peter, Paul & Mary

Uma noite boa para si.

legivel disse...

Cara Maite:

Em primeiro lugar agradeço-lhe a dica sobre os quadros. Quando pinto uma "série" (um determinado número de trabalhos sobre a mesma temática), já os estou a imaginar posicionados numa parede -de preferência branca. E antes de se apartarem de mim, a decisão já está tomada. Esses dois (e só esses) que aparecem nos meus dois últimos posts, ficaram ao lado um do outro numa exposição colectiva que terminou há poucos dias em Almada.

Sobre os dragões, dou-lhe os meus parabéns. Pelo sangue quente e pela cor, podem perfeitamente jogar ao lado dos lagartos...

Tenha um óptimo resto de dia!

Maite disse...

Caro Zénite

Estes são perigosíssimos. Nem imagina! :)

Obrigada pela música. :)

Uma boa tarde para si

Maite disse...

Caro Legível

Penso que dessa forma também ficam bem. Aliás será a forma mais adequada numa exposição. Mas digo-lhe que da forma que eu referi no meu comment (numa parede branca, em cima o quadro do post do dia 4 e em baixo o do post do dia 9) adquirem uma indizível força. Mas isso sou eu (uma leiga) a pensar.

Tenha um óptimo final de tarde, também