segunda-feira, maio 07, 2007

"Contudo, quando a direita ganha, é sobretudo porque há debilidades económicas e sociais, para as quais a esquerda não encontrou as respostas adequadas."
Ora, nem mais Portocroft

4 comentários:

Beatriz disse...

Tens um desafio no meu blog! Assim que puderes, passa por lá! Contamos contigo :)

bjs

legivel disse...

Cara Maite:

Absolutamente de acordo em que "... os políticos devem fazer com que os seus mandatos sejam notáveis do ponto de vista do desenvolvimento do país e do nível de vida dos seus concidadãos... "

Que estes desideratos não sejam conseguidos à custa de minorias, seria ouro sobre azul. Melhor: um sonho difícil de ser tornado realidade nos conturbados tempos que correm e a que Sarkozy dificilmente irá responder, porque enredado numa teia global de migração, afinal o grande problema social com que a França se debate na actualidade. Veremos, passadas as promessas eleitorais, o que se irá seguir.

Tenha um óptimo resto de dia!

Maite disse...

Cara Beatriz

Desafio aceite, claro :)

bjs

Maite disse...

Caro Legível

Eu sou uma optimista, por natureza. :)
Entre os dois candidatos Ségolène e Sarkozy o segundo é muito mais pragmático e capaz de reorientar a política de imigração que em França (como noutros países, incluindo Portugal) tem sido de um laxismo alarmante e de consequências devastadoras para todos mas principalmente para os imigrantes. Sou de opinião que um país não pode “absorver” imigrantes sem ser capaz de lhes oferecer as condições dignas de que são dignos.
E não é com laxismos, idealismos e palavras doces que se vai contornar a situação presente tão conturbada em França. (penso eu)

Tenha um óptimo resto de dia, também